TERRA DOS HOMENS PROMOVE REUNIÃO DO GRUPO DE APOIO À ADOÇÃO

Por Assessoria de Imprensa Terra dos Homens

Psicóloga da Terra dos Homens defende que filho adotivo deve ter acesso às suas origens. Cynthia Ladvocat coordena Grupo de Apoio à Adoção e prega necessidade de a sociedade se desfazer de mitos e preconceitos em relação à adoção. Reunião acontece em 28/01, de 9h às 12h, em Botafogo (RJ).

Com o objetivo de orientar famílias e difundir o conceito de adoção, a Associação Brasileira Terra dos Homens realiza uma reunião especial do Grupo de Apoio à Adoção nesta sexta, dia 28/01, de 9h às 12h. O Grupo é coordenado por Cynthia Ladvocat, psicóloga e especialista no tema, e mensalmente se reúne na sede da entidade, em Botafogo. A repercussão em torno do assunto e o grande interesse de candidatos fez com que a ong programasse mais um encontro agora em janeiro.

Segundo Cynthia Ladvocat, os Grupos de Apoio à Adoção surgiram timidamente há dez anos com o incentivo da Terra dos Homens. “Hoje eles se multiplicam pelo Brasil. Aqui no Rio temos uma rede que congrega Grupos de vários municípios”, diz ela. Além de esclarecer os pais e fornecer informações, o objetivo principal desses grupos é apoiá-los num momento decisivo, quando eles partem para adotar, enfrentando dificuldades e dilemas. “A experiência dos que já adotaram é muito bem-vinda. E serve como parâmetro para pais indecisos ou que querem aumentar suas famílias”.

Para Cynthia, as famílias que adotam têm problemas como quaisquer outras. “Em todas elas há muito problema, mas muito amor”. E é por isso que ela acredita na necessidade de se desfazer os mitos sobre a adoção, entre eles, o de quanto mais distante de suas origens menor a interferência dos laços biológicos e maior a sua integração na família adotiva. “Temos que preservar a biografia da criança incluindo sua história pré-adotiva. Quanto mais o filho adotivo tiver acesso às suas origens, menor é a interferência dos laços biológicos e maior sua integração na família adotiva”.

Ela ressalta ainda a importância de um trabalho pedagógico de adoção tardia, inter-racial, de necessidades especiais e de grupos de irmãos. E, tal como os Grupos, a escola também é responsável por ampliar e mostrar essas novas configurações familiares.

Informações: Terra dos Homens – 21-22860866
Reunião Especial do Grupo de Apoio à Adoção
Data: 28 de janeiro de 2005 – sexta-feira, 9/12h
Local: Rua Pinheiro Guimarães,88, Botafogo, Rio de Janeiro, RJ

comunicacao@terradoshomens.org.br
http://www.terradoshomens.org.br

This entry was posted in Adoção, Área Social. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta